Boleto Bancário: o que é e como emitir

O boleto bancário é um documento emitido por alguém que presta serviços ou vende produtos e que tem como função a cobrança dos mesmos. A pessoa que emite (cedente) pode receber do comprador (sacado) o valor do pagamento do seu produto ou serviço.

Podem ser pagos em bancos, em casas lotéricas, supermercados com convênio, entre outros. Eles são muito utilizados em compras e pagamentos pela Internet bem como em qualquer estabelecimento que tenha cadastrado o endereço do sacado para o envio pelo correio.

O documento tem duas vias: um recibo do pagador, comprovando o seu pagamento, e uma ficha de compensação para a instituição que faz a operação de pagamento.

O tempo para o pagamento ser compensado e confirmado é de aproximadamente até 4 dias úteis após seu pagamento.

Principais Campos do Boleto Bancário

A circular Nº 3.656 de 2 de abril de 2013 publicada pelo BC alterou algumas características dos boletos bancários com o intuito de simplificar e facilitar o entendimento desse meio de pagamento.

  1. Código do banco: número que identifica o banco emissor do boleto.
  2. Linha digitável e Código de barras: usado para pagar o boleto pela Internet ou por leitor de código de barras.
  3. Vencimento: data de vencimento do boleto.
  4. Agência/Código Beneficiário: número da agência de quem vai receber o pagamento.
  5. Nosso número: identifica o boleto de forma única.
  6. Valor do documento: é o valor a ser pago.
  7. Carteira: é a modalidade de cobrança do boleto, pode ser:
  8. Registrada, quando o banco não tem registro dos boletos gerados e a cobrança de taxa é feita sobre os boletos pagos, ou
  9. Não registrada, quando o emissor precisa notificar o banco sobre cada boleto gerado com o envio do chamado “arquivo de remessa”. Nessa modalidade as taxas incidem sobre todos os boletos gerados, independente de terem sido pagos ou não. Serviços adicionais, como protesto de não pagamento, estão disponíveis nessa modalidade de carteira.
  10. Pagador (antigo sacado): nome de quem vai pagar o boleto.
  11. Data do documento: é o dia em que o boleto foi gerado.
  12. Beneficiário (antigo cedente): nome de quem vai receber o boleto.

Como emitir um boleto bancário

Qualquer pessoa física ou jurídica pode emitir um boleto bancário desde que tenha uma conta em banco. Basta ir à uma agência para contratar uma carteira de cobrança. A Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) padroniza as características dos boletos bancários para todos os emissores seguirem.

A emissão de boletos pelo cedente é feita através de programas que seguem os padrões da FEBRABAN. Há vários softwares comercias e livres que fazem esse trabalho de geração do boleto bancário. Alguns bancos oferecem um software para isso, mas com recursos limitados.

Se você tem ou pretende iniciar um comércio eletrônico (Loja Virtual), é uma ótima ideia pedir esse tipo de pagamento ao seu banco.

Serviços para gerar e emitir boletos bancários

Diversos serviços existem para gerar e emitir boletos bancários para seu negócio (físico e online). Dentre eles pode-se citar:

Fraudes com boleto bancário

muitos casos de fraude com boletos bancários noticiados. Muitas vezes são máquinas contaminadas com algum malware que altera o código de barras e a linha digitável do boleto, deixando intacto apenas o nome do cedente, o valor e o banco.

Por isso, não basta apenas criar senhas fortes, mas também é preciso ter um sistema atualizado e um bom software antivírus.

Nova Plataforma de Cobrança

Em 2017 o sistema bancário adotou a Nova Plataforma da Cobrança, com novas regras que visam facilitar o dia-a-dia dos usuários desse meio de pagamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *